Portfolio

Cube (ou Another Untold Story)

Adoro "untold stories". Este termo se refere a fragmentos de narrativas que não possuem antes ou depois, apenas um determinado momento em seu tempo, revelando o mínimo necessário para que o próprio observador imagine sua origem e sua continuação. Isso cria uma interessante interação entre o criador, a sua ideia e o receptor final, unindo os três em uma perfeita sintonia. É o meu jeito de chegar à "sincronicidade" relatada por Jung.

É o caso dessa ilustração: o que houve antes? E o que acontecerá depois? Qual o motivo dessa ação? Conseguirá o nosso personagem chegar onde deseja? E o que ele deseja? Não se sabe o antes e o depois, há apenas imaginação. Curto muito isso. Penso que, se a arte não promove conexões, então há mais degraus para subir.

Digigrafia à mão-livre, feita sem o auxílio de renderizações 3D. Pintei os cubos usando fotos como tinta e tive uma pequena ajuda de ferramentas vetoriais no sketch deles, para manter traços mais precisos.